Como aumentar as vendas do seu negócio sem arriscar seu orçamento

  • Home
  • /
  • Blog
  • /
  • Pages
  • /
  • Como aumentar as vendas do seu negócio sem arriscar seu orçamento
aumentar as vendas
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

Você já teve dificuldade para aumentar suas vendas? 

Assim que começou como empreendedora, Thays teve este problema com seu Salão de Beleza no Recife. 

Frequentemente, ela investiu algum dinheiro para fazer anúncios em rádios e jornais da sua região, mas não sentia que suas vendas aumentavam apesar disso. Como não tinha certeza se seu investimento em marketing dava retorno, ela parou de fazer os anúncios.

Foi quando uma concorrente abriu as portas a apenas 2 quarteirões da sua loja. Então, ela decidiu bombar seu instagram com muitas postagens. Investiu em equipamentos de gravação, microfone, decoração e, depois de um tempo, seu instagram realmente estava com mais seguidores!

Mas a dúvida continuava: será que todo o investimento em marketing estava valendo a pena? Porque, no fim das contas, mesmo vendendo mais, o caixa parecia sempre zerado.

Uma colega sugeriu que ela fizesse uma análise do seu financeiro usando o yampa (falaremos mais depois sobre esta ferramenta). A ferramenta detectou que seu salão estava gerando um lucro muito abaixo do ideal para seu segmento. 

E buscando ajuda com o time de mentores do yampa, descobriram que, no caso de Thays, a melhor solução seria aplicar outras estratégias para melhorar sua receita. (E se você ficou interessado em saber como funciona esse time de mentores, continue lendo).

Foi assim que essa Dona de Salão de Beleza aprendeu algumas dicas práticas para algo melhor do que aumentar vendas: ter lucro! E agora compartilhamos essas dicas com todos vocês.

teste gratis do yampa

4 dicas essenciais para aumentar suas vendas

 

Existem muitas táticas para aumentar as vendas, desde aproveitar datas comemorativas, até fazer um plano de comunicação personalizado para diferentes audiências. Essas táticas podem ser facilmente aplicadas em qualquer segmento, mas o que realmente importa é o que realmente funciona no dia a dia de cada empresa.

 

Algumas dicas que você pode aplicar hoje mesmo são

1 – Identifique se você realmente está sendo visto

Muitas vezes, a falta do aumento de vendas pode ser atribuída à maneira como sua empresa se comunica com seu público-alvo. 

É muito comum acreditar que, por exemplo, abrir uma loja em uma área movimentada automaticamente garantirá seu sucesso. Estar em um local onde você pode ser facilmente visto é importante, mas isso não é suficiente. 

Além de uma boa localização, você deve considerar se está atendendo às necessidades dos clientes daquela região ou se, no mínimo, atende a uma necessidade específica (tem um diferencial). 

Por exemplo, em um bairro recém-estabelecido que carece de lojas de conveniência, pet shops, a ausência de concorrentes próximos pode ser vista como uma vantagem significativa para a comunidade. Nesse caso, uma extensa campanha de marketing pode não ser necessária.

Por outro lado, se o seu negócio está localizado em uma área altamente competitiva, é essencial destacar-se da concorrência. 

Isso pode ser feito mediante diferenciais como preço (embora essa estratégia precise ser feita com muito cuidado) ou oferecendo algum diferencial (ambiente, atendimento, produtos etc).

Perguntas para ajudar no seu processo

Para melhorar esse processo, pergunte-se (no caso de ter uma empresa física): 

  • As pessoas que moram/trabalham ao redor do seu estabelecimento sabem que você está ali? Sua fachada é fácil de ver? 
  • Você tem um Google Meu Negócio? Se as pessoas procurarem por seu segmento no google, você estará entre os resultados da sua região? E a sua classificação no Google Maps está boa para atrair novos clientes?

E seja sua empresa física ou não, pergunte-se também:

  • Você facilita a comunicação dos clientes com sua empresa? Você tem um whatsapp devidamente monitorado? Se você usa redes sociais, elas também estão preparadas para receber contato de clientes e prestar um bom atendimento?
  • Você proporciona uma experiência de compra agradável e satisfatória? 
  • Será que sua empresa tem algum diferencial ou benefício que os concorrentes não tem? Por que as pessoas deveriam comprar de você e não em outro lugar? (sobre isso, falaremos mais no próximo tópico)

No final, umas das chaves do aumento de vendas engloba uma estratégia de marketing bem feita e experiências de compra positivas, tanto físicas quanto online.

2 – Conheça as necessidades dos seus clientes

Existem duas maneiras acessíveis de entender as dores e necessidades dos seus clientes. A primeira é através do estudo da concorrência. 

Ao analisar o que seus concorrentes oferecem, como conveniência, eficiência, acessibilidade e variedade de produtos e serviços, é possível identificar lacunas no mercado e oportunidades de melhoria.

A segunda forma é diretamente perguntar aos seus clientes. Descobrir quais são as reclamações mais frequentes que seus clientes têm relacionadas ao seu segmento pode oferecer percepções valiosas. 

Por exemplo, se as queixas giram em torno do preço, é essencial compreender porque, mesmo com preços não tão baixos, os clientes continuam comprando um determinado produto em um determinado local.

A percepção de “caro ou barato” nem sempre está relacionada a quanto dinheiro se paga por algo, mas sim no valor recebido.

Às vezes, oferecer uma alternativa pode ser mais eficaz do que simplesmente baixar os preços. Por exemplo: lojas de conveniência que cobram mais caro por seus produtos, porém facilitam o processo de compra (as pessoas preferem pagar mais caro por algo do que perder tempo em longas filas em um supermercado).

Lembre-se, se você atrai seus clientes apenas pelo preço pode perdê-los pela mesma razão.

Para saber essas respostas você pode:

  • Fazer uma pesquisa com seus clientes perguntando porque eles compram de você, o que eles mais gostam e o que eles acham que precisa melhorar
  • Se portar como o cliente do seu concorrente para entender como é a experiência (do atendimento até a compra, se possível).
  • Com ambas as informações em mãos, crie um painel e identifique o que seu cliente não faz ou faz mal e que você pode oferecer melhor. E até o que você não faz bem (pontuado por vários clientes) e que pode melhorar.

3 – Colha dados para analisar os resultados 

A coleta e análise de dados são essenciais para a tomada de decisões. 

Ferramentas gratuitas como Google Forms podem ajudar na tabulação de respostas de pesquisas (como a citada anteriormente) para que, com esses dados, você guiar suas ações de marketing e até de melhorias de atendimento.

É possível fazer perguntas simples tais como: 

  • O que você mais gosta em nossa empresa?
  • O que você não gosta ou acha que pode melhorar? 
  • Você compra em outras empresas como a nossa? Quais? Por qual motivo você compra nessas empresas?
  • Quais produtos/serviços você costuma comprar mais?

E como saber se seus esforços de comunicação vão ajudar a aumentar suas vendas?

O marketing digital é um grande aliado nessa parte de análise de dados, pois é bem mais fácil de saber, através das ferramentas digitais, quanto dinheiro você precisa investir para fazer vendas.

Para exemplificar melhor isso, vamos comparar uma veiculação de um Outdoor e de um Anúncio no Facebook.

Suponhamos que você contratou a veiculação de um outdoor na avenida mais movimentada da sua cidade. E a veiculação (geralmente com duração 2 semanas) custou R$ 1.000,00

Ao mesmo tempo, você decide usar a mesma arte do outdoor para rodar um anúncio no Facebook e investiu os mesmos R$ 1.000,00 para 2 semanas de veiculação.

Então temos o mesmo orçamento, mesmo criativo (arte) e o mesmo tempo de visualização. 

Ao final das 2 semanas, se você acessar o gerenciador de anúncios do Facebook, poderá ver quantas pessoas viram seu anúncio, quantas pessoas clicaram e, dependendo da sua configuração, saberá até quantas vendas realizou através daquele anúncio!

Faça uma fórmula CPL (custo por lead)

Com isso, poderá fazer uma fórmula simples: divida o número de vendas pelo valor investido e você saberá quanto custa para sua empresa trazer um cliente – é o que chamamos de CPL (custo por lead, que é como chamamos um possível cliente).

(Claro que não estamos colocando aqui todos os outros custos que envolvem um anúncio, isso é um exemplo de análise de dados).

Porém, no caso do outdoor, você não terá praticamente nenhuma nessas informações (é impossível dizer quantas pessoas viram ou mesmo se interessaram pelo seu outdoor). 

Sua única alternativa para saber se um anúncio feito em meios de mídias tradicionais deu retorno é colocando uma “pista” para ser trazida com o cliente no momento da compra.

Cupons de desconto ou “palavras chaves” são muito usadas para isso (o cliente que chega até o atendimento com um cupom impresso, um folheto promocional ou dizendo “eu vi a promoção pela rádio X” são a pista que você terá da efetividade do seu marketing). Anote quantas pessoas foram até você com essa pista e aplique na fórmula para encontrar o CPL.

Por mais que os meios digitais ofereçam ferramentas simples de medição e análise, é crucial compreender os canais onde os seus clientes estão presentes para direcionar seus esforços de marketing de forma eficaz.

A boa notícia é que ferramentas como o yampa funcionam para ajudar na análise de dados de qualquer tipo de empresa. 

O yampa vai te ajudar a tomar decisões seguras com base em números do seu negócio, inclusive, se você deve investir mais ou menos no marketing ou se, primeiro, você deve reduzir custos ou aumentar seu preço. 

Ações assim trazem mais dinheiro para o caixa do que aumentar vendas, na maioria das vezes.

4 – Ofereça um bom atendimento para aumentar as vendas 

Dizem que a primeira impressão é o que fica. E falando de concorrência e mercado, às vezes, a primeira impressão é sua única chance.

Por isso, a experiência de compra do seu cliente começa desde o primeiro contato, muitas vezes, quanto ele está ainda procurando onde comprar (e como dissemos anteriormente, você precisa deixar o caminho fácil e livre para que ele possa te encontrar).

Como bem sabemos, a tecnologia oferece uma variedade de recursos para melhorar a experiência do cliente e impulsionar as vendas. 

Mas antes de implementar uma nova tecnologia só porque está na moda, entenda como seu cliente quer encontrar você. 

No Brasil, o WhatsApp se tornou a ferramenta oficial de comunicação. Por isso, nossa recomendação é sempre ter um canal telefônico e também um WhatsApp disponível para o atendimento ao cliente.

As redes sociais e aplicativos permitem muitas facilidades, desde a configuração de uma vitrine virtual até a oferta de opções de pagamento online, a ideia é saber quais fazem sentido para seu público-alvo. 

Vale a pena lembrar que, mesmo que seja muito útil ter um chatbot automatizado para não depender 100% do atendimento humano, é importante não negligenciar os momentos onde um humano é insubstituível. 

Chatbots e IAs hoje são muito usadas para respostas simples (ninguém tem tempo nem paciência para ler longos tutoriais, então nesses casos, as inteligências artificiais ajudam a trazer respostas que já estão ali). 

Mas humanos ainda querem validar muitas vezes suas escolhas com outros humanos. O segredo é olhar seu atendimento de perto e encontrar um equilíbrio entre automações e interações pessoais.

Aumente suas vendas, mas primeiro, melhore seu lucro com o yampa

Lembre-se, ao implementar essas práticas para aumentar as vendas é imperativo ter em mente uma boa gestão financeira, para saber quanto é possível investir em suas estratégias de marketing.

Nesse contexto, o yampa se destaca como uma ferramenta essencial para identificar e corrigir o “balde furado” do seu financeiro, ou seja, aquilo que está sugando seu lucro e que fará com que nunca sobre caixa, mesmo que você aumente as vendas.

O yampa capacita os proprietários de negócios, como Thays, a tomarem decisões seguras e estratégicas para impulsionar o crescimento e maximizar os lucros. Muitas vezes, antes de aumentar as vendas, você precisará fazer outras mudanças que trarão mais resultado com menos esforço.

Sabemos que nem sempre essas ações de melhorias são fáceis de detectar, e é por isso que no yampa você tem a possibilidade de ter um professor-mentor especialista, para analisar os números da sua empresa com você e traçar um plano de ação personalizado e acompanhado.

Para saber mais sobre como funciona o yampa, comece fazendo UM TESTE GRÁTIS AQUI! 

TESTE GRATIS DO YAMPA

Este artigo foi útil?

5/5

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Aprenda mais

Feito com pela equipe yamper!

Política de privacidade | Termos de uso

Suporte

Atendimento de segunda a sexta, entre 9h e 18h

Trabalhe Conosco