Entendendo os tipos de fluxo de caixa: como escolher o mais adequado para a sua empresa

  • Home
  • /
  • Blog
  • /
  • Pages
  • /
  • Entendendo os tipos de fluxo de caixa: como escolher o mais adequado para a sua empresa
os tipos de fluxo de caixa
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

Conhecer o tipo de fluxo de caixa mais adequado para a empresa e saber como utilizá-lo corretamente pode ajudar na identificação de problemas financeiros e na elaboração de estratégias para garantir a saúde financeira da empresa no curto e longo prazo. 

O fluxo de caixa é um dos indicadores financeiros mais importantes para uma empresa. Ele mostra a movimentação de entrada e saída de dinheiro, permitindo que os gestores tomem decisões estratégicas para o negócio. No entanto, é preciso entender que existem diferentes tipos de fluxo de caixa, e cada um deles tem suas particularidades. Neste artigo, vamos explicar os principais tipos de fluxo de caixa e como escolher o mais adequado para a sua empresa.

A importância de conhecer os Tipos de Fluxo de Caixa 

Conhecer o tipo de fluxo de caixa é fundamental para uma gestão financeira eficiente e para a tomada de decisões estratégicas na empresa. Isso porque cada tipo de fluxo de caixa fornece informações valiosas sobre diferentes aspectos da saúde financeira da empresa.

Por exemplo, o fluxo de caixa operacional mostra a capacidade da empresa de gerar caixa a partir de suas atividades operacionais, o que é essencial para manter as operações em andamento e investir no crescimento do negócio.

Já o fluxo de caixa de investimento ajuda a avaliar a eficiência dos investimentos em ativos de longo prazo, como imóveis, equipamentos e tecnologia, enquanto o fluxo de caixa de financiamento indica a capacidade da empresa de obter financiamento externo e de pagar dívidas.

Além disso, cada tipo de fluxo de caixa pode ser utilizado para diferentes fins, como planejamento orçamentário, avaliação de desempenho financeiro, identificação de oportunidades de redução de custos e melhorias na gestão de caixa, entre outros.

ebook fluxo de caixa, leve seu material

Os Tipos de Fluxo de Caixa

Fluxo de Caixa Operacional

O fluxo de caixa operacional é um tipo de fluxo de caixa que mede as entradas e saídas de dinheiro relacionadas às atividades operacionais da empresa, ou seja, aquelas que fazem parte do seu core business. No caso de uma lanchonete, as atividades operacionais seriam a venda de alimentos e bebidas aos clientes.

No entanto, para entender melhor como funciona o fluxo de caixa operacional de uma lanchonete, vamos considerar o seguinte exemplo:

Suponha que uma lanchonete venda hambúrgueres, refrigerantes e batatas fritas. Ao longo do dia, ela realiza as seguintes transações:

  • Vende 50 hambúrgueres a R$ 10 cada um, totalizando R$ 500 em receita
  • Vende 100 refrigerantes a R$ 5 cada um, totalizando R$ 500 em receita
  • Vende 80 porções de batatas fritas a R$ 6 cada uma, totalizando R$ 480 em receita
  • Paga R$ 200 em salários aos funcionários
  • Paga R$ 150 em compras de alimentos e bebidas para o estoque
  • Paga R$ 50 em contas de água e luz

Para calcular o fluxo de caixa operacional da lanchonete, basta subtrair as saídas de dinheiro (custos e despesas) das entradas de dinheiro (receitas) relacionadas às atividades operacionais. No caso desse exemplo, o cálculo ficaria assim:

  • Fluxo de caixa operacional = Receitas operacionais – Custos operacionais – Despesas operacionais
  • Fluxo de caixa operacional = (R$ 500 + R$ 500 + R$ 480) – (R$ 150) – (R$ 200 + R$ 50)
  • Fluxo de caixa operacional = R$ 1.080 – R$ 400
  • Fluxo de caixa operacional = R$ 680

Isso significa que a lanchonete teve um fluxo de caixa operacional de R$ 680 ao longo do dia. Esse valor pode ser usado para calcular a disponibilidade de caixa da empresa e tomar decisões financeiras estratégicas.

Fluxo de caixa de Investimento

O fluxo de caixa de investimento, por sua vez, mede as entradas e saídas de dinheiro relacionadas a investimentos em ativos de longo prazo da empresa. No caso da lanchonete, um exemplo de investimento seria a compra de equipamentos de cozinha, como uma chapa quente ou um forno industrial.

Vamos supor que, ao longo do dia, a lanchonete tenha realizado os seguintes investimentos:

  • Compra de uma chapa quente por R$ 500
  • Compra de um forno industrial por R$ 1.000

Nesse caso, o cálculo do fluxo de caixa de investimento da lanchonete ficaria assim:

  • Fluxo de caixa de investimento = Investimentos – Desinvestimentos
  • Fluxo de caixa de investimento = (R$ 500 + R$ 1.000) – 0
  • Fluxo de caixa de investimento = R$ 1.500

Em resume, isso significa que a lanchonete investiu R$ 1.500 ao longo do dia em ativos de longo prazo, como a compra da chapa quente e do forno industrial.

O fluxo de caixa de investimento é importante para medir a capacidade da empresa em fazer investimentos e expandir suas atividades em longo prazo. Além disso, ele também é útil para avaliar o valor e o retorno do investimento realizado em determinado período.

Fluxo de caixa de financiamento 

O fluxo de caixa de financiamento mede as entradas e saídas de dinheiro relacionadas a financiamentos obtidos pela empresa. Esses financiamentos podem vir de diversas fontes, como empréstimos bancários, emissão de títulos de dívida ou aumento de capital social.

Vamos supor que, ao longo do dia, a lanchonete tenha obtido os seguintes financiamentos:

  • Empréstimo bancário de R$ 2.000
  • Aporte de capital de um sócio no valor de R$ 1.500

Nesse caso, o cálculo do fluxo de caixa de financiamento da lanchonete ficaria assim:

  • Fluxo de caixa de financiamento = Entradas de financiamento – Saídas de financiamento
  • Fluxo de caixa de financiamento = (R$ 2.000 + R$ 1.500) – 0
  • Fluxo de caixa de financiamento = R$ 3.500

Isso significa que a lanchonete obteve R$ 3.500 em financiamentos ao longo do dia.

O fluxo de caixa de financiamento é importante para medir a capacidade da empresa em obter recursos financeiros para financiar suas atividades. Além disso, ele também é útil para avaliar a estrutura de capital da empresa e sua capacidade de pagamento de dívidas no longo prazo.

Como escolher o tipo de fluxo de caixa?

Escolher o tipo de fluxo de caixa adequado para sua empresa depende principalmente do objetivo e do contexto em que a análise será realizada. Aqui estão algumas dicas que podem ajudar na escolha:

1. Objetivo da análise:

Se o objetivo da análise é medir a capacidade da empresa em gerar caixa a partir de suas atividades operacionais, o fluxo de caixa operacional é o mais adequado.

Porem, se o objetivo é avaliar a capacidade de pagamento de dívidas ou a estrutura de capital da empresa, o fluxo de caixa de financiamento pode ser mais útil. Já se o objetivo é avaliar a capacidade da empresa de fazer investimentos em ativos de longo prazo, o fluxo de caixa de investimento é o mais indicado.

2. Tamanho e complexidade da empresa:

Empresas menores e menos complexas geralmente podem se beneficiar mais de uma análise de fluxo de caixa simplificada, enquanto empresas maiores e mais complexas podem precisar de uma análise mais detalhada e abrangente.

3. Setor de atuação:

Alguns setores, como o varejo, podem ter uma alta variação de caixa devido a flutuações sazonais nas vendas. Nesses casos, pode ser útil realizar análises de fluxo de caixa mais frequentes e detalhadas.

4. Tipo de negócio:

O tipo de negócio da empresa também pode influenciar na escolha do tipo de fluxo de caixa adequado. Por exemplo, empresas que lidam com estoques podem precisar de uma análise mais detalhada do fluxo de caixa operacional para avaliar a eficiência de sua gestão de estoques.

5. Público-alvo da análise:

Por fim, é importante considerar quem será o público-alvo da análise de fluxo de caixa. Se a análise for destinada a investidores ou credores, pode ser necessário um nível de detalhamento mais alto e uma linguagem mais técnica.

Embora os fluxos de caixa operacional, de investimento e de financiamento sejam amplamente utilizados, nós, aqui do yampa utilizamos o chamado “Modelo Perfeito de Fluxo de Caixa”, criado pela 4blue e mais eficiente para pequenas e médias empresas. 

Lembrando que, independentemente do tipo de fluxo de caixa escolhido, é fundamental manter um registro atualizado e preciso das entradas e saídas de caixa da empresa para uma análise confiável

Melhore seu fluxo de caixa com o yampa

Um software de gestão financeira como o yampa pode ajudar bastante no controle e análise do fluxo de caixa de uma lanchonete, por exemplo. Veja algumas das funcionalidades que um software como esse pode oferecer:

  • Automação do processo: O software pode automatizar o registro das entradas e saídas de caixa, eliminando a necessidade de realizar essas tarefas manualmente. Isso ajuda a economizar tempo e reduzir erros.
  • Categorização dos gastos: O yampa permite que as despesas sejam categorizadas de acordo com o tipo de gasto (como fornecedores, salários, aluguel, entre outros), o que facilita a análise posterior do fluxo de caixa.
  • Análise de tendências: Com o yampa, é possível visualizar de forma clara e objetiva as tendências do fluxo de caixa da lanchonete ao longo do tempo. Isso ajuda a identificar sazonalidades, ciclos de crescimento e outros padrões que podem influenciar na gestão financeira.
  • Análise de cenários: O software permite que sejam realizadas simulações de diferentes cenários financeiros, como variações nas vendas, aumento ou redução de custos, entre outros. Isso ajuda a avaliar o impacto de cada cenário no fluxo de caixa e a tomar decisões mais estratégicas.
  • Relatórios gerenciais: Com o yampa, é possível gerar relatórios gerenciais detalhados sobre o fluxo de caixa da lanchonete, com informações precisas e atualizadas em tempo real. Esses relatórios são fundamentais para a tomada de decisões estratégicas.

Enfim, um software de gestão financeira como o yampa pode ser uma ferramenta extremamente útil para a gestão do fluxo de caixa de uma lanchonete e de qualquer empresa em geral. Ele ajuda a automatizar processos, reduzir erros, identificar tendências e tomar decisões mais assertivas e estratégicas para garantir a saúde financeira do negócio.

 

teste gratis do yampa

Este artigo foi útil?

5/5

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Aprenda mais

Feito com pela equipe yamper!

Política de privacidade | Termos de uso

Suporte

Atendimento de segunda a sexta, entre 9h e 18h

Trabalhe Conosco